Prefeita e vice-prefeito de Monte Alegre de Sergipe têm mandatos cassados por abuso de poder político


A juíza Fabiana Oliveira Bastos de Castro, da Justiça Eleitoral, determinou a cassação dos mandatos da prefeita e do vice-prefeito de Monte Alegre de Sergipe, Nena e Bibia do Couro, respectivamente. A sentença foi baseada na constatação de abuso de poder político durante as eleições municipais de 2020, resultando na inelegibilidade dos políticos por um período de 8 anos a partir do referido pleito.

Segundo a decisão judicial, a conduta dos gestores municipais configurou-se como abuso de poder político, o que levou à cassação dos mandatos. Com a vacância dos cargos, abre-se a possibilidade para que Henrique de João Gogó, atual presidente da Câmara de Vereadores, assuma temporariamente a prefeitura, conforme previsto na legislação.

Além da cassação dos mandatos, a juíza determinou a realização de novas eleições municipais após o trânsito em julgado da sentença. Este desdobramento coloca Monte Alegre de Sergipe em um período de transição política e incerteza, enquanto a comunidade aguarda as próximas etapas do processo eleitoral.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Sergipe
Portal Sergipe
Portal Sergipe