Veja quem são as vítimas da explosão em residencial no bairro Santo Antônio, em Aracaju


No último domingo (31), uma explosão atingiu um complexo residencial na avenida João Ribeiro, em Aracaju. No total, cinco pessoas morreram, 14 ficaram feridas e uma continua desaparecida. Ainda, cerca de 40 famílias estão desabrigadas.

Segundo os bombeiros, a suspeita inicial é de que a explosão tenha sido provocada pelo vazamento de gás de um botijão no 1º pavimento da edificação de dois andares, que abrigava 44 apartamentos e fica no fundo de uma residência.

Das vítimas fatais, as duas primeiras identificadas foram Isla Solimar Batista Santos e Weslly André Santos, casal natural de Japoatã, ambos de 20 anos.

Outra vítima foi o jovem Guilherme Alves de Souza, de 21 anos, que era estudante do 5º período do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, do Instituto Federal de Sergipe (IFS). Ele foi sepultado domingo no municipípio de Aquidabã.

A quarta pessoa que morreu no acidente é a Ana Cristina, de 51 anos, que morava no imóvel com um dos filhos há cerca de cinco anos. No momento do acidente, o filho conseguiu escapar, mas a mãe não resistiu. José dos Santos, de 65 anos, também foi encontrado morto em meio aos escombros e ainda não há maiores informações sobre a identificação e familiares dele.

Internados

De acordo com o Corpo de Bombeiros, uma das vítimas, um idoso de 70 anos, está internado em estado grave no Hospital de Urgências de Sergipe Governador João Alves Filho (Huse) e está entubado, com 90% do corpo queimado.

Um jovem de 18 anos segue também internado no Huse, após realizar um procedimento cirúrgico oftalmológico. Ele continua recebendo assistência médica multidisciplinar e o estado de saúde é considerado estável.

Gildete Batista Santos, de 74 anos, é proprietária do imóvel e está internada em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) após sofrer um infarto, causado pelo susto ao saber da explosão. Ela apresenta confusão mental, sem saber o que de fato ocorreu, e ainda não sabe que houveram vítimas fatais.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Sergipe
Portal Sergipe
Portal Sergipe